Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Morte de Ricardo Boechat choca jornalismo nacional

Jornalista da Band estava em helicóptero que caiu na Rodovia Anhanguera, em São Paulo

O jornalista Ricardo Boechat, da Band, morreu nesta segunda-feira, 11, aos 66 anos. Ele estava em um helicóptero que caiu em São Paulo, na Rodovia Anhanguera, e bateu na parte dianteira de um caminhão que transitava pela via. Ele era apresentador do Jornal da Band e da rádio BandNews FM, e colunista da revista IstoÉ. Emocionado, José Luiz Datena anunciou a notícia em rede nacional, às 14h desta segunda-feira, 11. Boechat estava dando uma palestra em Campinas, no interior de São Paulo, e retornava à capital.

A queda ocorreu perto do quilômetro 7 do Rodoanel, no sentido Castelo Branco. Informações dão conta de que o helicóptero saiu do hangar Sales, no Campo de Marte, na Zona Norte da capital paulista. Foram enviadas ao menos 11 viaturas para o local e a Polícia Rodoviária Estadual informou que a alça de acesso do Rodoanel à Rodovia Anhanguera precisou ser interditada.

Sua carreira se iniciou na década de 1970 e, ao longo de sua trajetória, esteve nos jornais O Globo, O Estado de S.Paulo, Jornal do Brasil e O Dia. Na década de 1990, assinou uma coluna diária no Bom Dia Brasil, na TV Globo. O jornalista ganhou três vezes o Prêmio Esso, e era considerado um dos principais nomes do jornalismo brasileiro, onde atuou em alguns dos mais importantes veículos e canais do País.

Foto: Divulgação
Compartilhamento autorizado de

www.coletiva.net/jornalismo-/morte-de-ricardo-boechat-choca-jornalismo-nacional,292909.jhtml

Deixe seu comentário:

Menu

rádio web e/ou

Somos uma rádio que você ou/vê. Uma rádio web às esquerdas, cuja onda é a Gestão Compartilhada de Marketing. E/ou, enfim uma rádio não, a rádio web do Pintaude, e às esquerdas do Pintaude,  Lia Müller, Jefferson, Karina, Karen e o Caraver. Ouve a rádio web e/ou, por que a gente acredita que aqui se faz, aqui se paga.